Nossa História

Anos 80 e 90 – Encontro Nacional

O Encontro Nacional da Indústria de Cerâmica Vermelha é o evento itinerante mais importante do setor nacionalmente e vem ganhando cada vez mais status internacionalmente. Já foi realizado em todas as regiões brasileiras, sempre superando recordes de público e negócios realizados. Hoje, o evento anual representa o momento máximo de encontro dos empresários, atentos à inovação tecnológica propagada na Expoanicer e à qualificação e sensibilização para os rumos do cenário brasileiro e internacional. 

1993 – Carga Tributária

Tema frequente nas reuniões de trabalho e Assembleias Gerais, a carga tributária a que o setor se insere, sofreu reduções a partir de uma conquista significativa na primeira gestão da Anicer, junto ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), do Ministério da Fazenda. Em de 30 de abril de 1993, foi instituído o Convênio ICMS 50/93, que autoriza os Estados, a conceder redução da base de cálculo do ICMS nas saídas internas de tijolos e telhas cerâmicas. Deste período em diante, os Sindicatos e Associações passaram a obter novas reduções junto a suas Secretarias Estaduais de Fazenda, com percentuais que hoje estão estabelecidos entre 17% e 1%, e em alguns casos, de isenção total.

1997 – Revista da Anicer

Criado há mais de dez anos, o veículo oficial do setor já teve formato gráfico de jornal e, posteriormente, ganhou ares de Revista e mais conteúdo. Em todas as edições, traz as novidades do cenário da cerâmica vermelha, adiantando tendências e trazendo problemas e possíveis soluções para a realidade das indústrias.

1997/1998 – A Anicer e a cerâmica vermelha na internet

Hoje soa estranho imaginar as atividades empresariais sem a presença da internet. O endereço www.anicer.com.br foi um dos primeiros sites de cerâmica estrutural a ser colocados no ar. Hoje, é atualizado semanalmente com as principais informações sobre o setor e a Anicer, além de outros conteúdos. Os internautas também recebem regularmente o boletim Anicer Online que traz as últimas novidades.

1999 – Prêmio João-de-Barro

Retomado em 1999, o Prêmio foi relançado com o intuito de destacar e promover aqueles que vêm fazendo a diferença no setor. Desde sua criação em caráter de homenagem nos primórdios da Anicer, foram premiados personalidades, empresas, entidades e fornecedores. A cada edição novos nomes são indicados pelos sócios da Associação para votação no site, com ampla participação dos internautas.

2000 – Campanha publicitária

No início do novo século, a Anicer reuniu os fabricantes de telhas em uma campanha publicitária publicada nas Revistas Arquitetura e Construção, Anamaco e Mundo Cerâmico. O objetivo era mostrar a um público qualificado, formador de opinião, composto por engenheiros, arquitetos e professores leitores dos veículos, as vantagens exclusivas das coberturas cerâmicas. Novas campanhas estão previstas com base nas inovações normativas e no potencial sócio-ambiental do setor.

2001/2002 – Feiras e eventos

Participar de feiras ligadas à construção para apresentar e divulgar as características imbatíveis da cerâmica vermelha tem sido uma das metas da Anicer. Em toda a sua história, a Associação contabiliza participações em eventos importantes, como a Feicon (SP), a Construir (RJ), o Minascon (MG), a Expoconstrução Bahia (BA) entre outras. Em 2002, em São Paulo, lançou a primeira versão da Casa de Cerâmica, que três anos mais tarde, foi elogiada publicamente pelo então presidente Lula. A maior participação do setor na feira da indústria da construção civil da América Latina, deu origem a criação da Feicon Batimat Cerâmica Vermelha, em parceria com a Alcântara Machado.

2002 – Cursos e palestras

Com foco no crescimento e no desenvolvimento do setor, os membros da Diretoria e do corpo técnico da Associação estão continuamente ministrando treinamentos e palestras, além da promoção de cursos em parceria com os Sindicatos e Associações. A Anicer também apoia estratégias voltadas especificamente para os profissionais da construção, como diversos seminários e workshops, já realizados em várias regiões do Brasil.

2002 – Ingresso no PBQP-H

O termo de adesão da indústria de cerâmica vermelha no Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade no Habitat (PBQP-H), do Ministério das Cidades, foi assinado no dia 13 de setembro. Com essa iniciativa, o setor ingressou em uma ação nacional em prol da conformidade e do aprimoramento da cadeia da Construção Civil brasileira.

2003 – Primeiros materiais digitais

Desde sua criação, a Anicer se empenha em oferecer bibliografias e produtos que incrementem os conhecimentos sobre cerâmica. Ainda nos anos 90 foi lançada uma das primeiras bibliografias sobre alvenaria estrutural com blocos cerâmicos em língua portuguesa. No ano 2000 foi lançado o primeiro multimídia – Projetos de Alvenaria – Blocos Cerâmicos. Entre outras estratégias, em outubro de 2003, a Associação apresentou o primeiro vídeo-curso brasileiro, em conjunto com a Escola Senai Mario Amato e Sebrae/RJ, sobre qualidade na indústria cerâmica, que foi amplamente usado para treinar os profissionais das fábricas.

2004 – PSQ Blocos Cerâmicos

Os primeiros a integrar o Programa Setorial da Qualidade de Blocos Cerâmicos (PSQ-BC) foram os sindicatos de Sergipe, Rio Grande do Sul e Minas Gerais. Meses depois, marcaram sua participação com a qualificação atendida às cerâmicas Uralita (SP) – hoje Estrutural Blocos/Selecta, City (SP), GGP (RJ), Braúnas (MG) e assim por diante. Atualmente, dezenas de indústrias integram a iniciativa.

2004 – Início das missões internacionais organizadas

Itália e Alemanha já receberam caravanas com empresários brasileiros organizadas pela Anicer. As missões internacionais oferecem aos participantes oportunidades de conhecer mais sobre os processos de fabricação, produtos e estruturas tecnológicas a partir das visitas técnicas.

2005 – Portaria do Inmetro

Publicada em 29 de junho de 2005, a Portaria do Inmetro nº 127 estabelece os critérios de verificação dos componentes cerâmicos para alvenaria e a padronização das dimensões nominais. Com o documento, as empresas que não cumprem os requisitos estão sujeitas à multa, apreensão e interdição da fábrica.

2005 – NBR 15.270

Desde setembro de 2005, os fabricantes de blocos de vedação e estruturais contam com novos padrões para produção. Entre os principais diferenciais da nova Norma, estão: aumento da resistência à compressão, exigência de espessura mínima, critérios de aceitação e rejeição mais claros e carimbos.

2005 – NBR 15.310

Em novembro de 2005, entrou em vigor a nova Norma Técnica para telha cerâmica. O texto trouxe mais qualidade, modernidade, rendimento, economia e design através do “Projeto de Modelo de Telha”, que possibilita a criação de novas peças tendo em vista características dimensionais e funcionais pré-estabelecidas. Entre os principais avanços está a maior praticidade de aplicação do produto, proporcionada pelas informações disponíveis nas telhas.

2006 – Saúde e Segurança no trabalho

Através de parceria entre Sesi/DN e Anicer, foi realizado um diagnóstico que apontou as ações de saúde e segurança no trabalho praticadas nas fábricas filiadas à Associação. Entre outras informações, o trabalho mostrou que a média de acidentes foi de 2,59 para cada indústria pesquisada. Também deu aos empresários a oportunidade de ter acesso a consultorias com profissionais de SST do Sesi de sua região.

2006 – Acordo com Ministério de Minas e Energia

Assinado em outubro de 2006, o Acordo de Cooperação Técnica entre Anicer e MME permite a realização de intercâmbios de informação, diagnósticos e estudos sobre o segmento, além da articulação de linhas de fomento com outros órgãos governamentais como o BNDES. O Acordo busca o melhor aproveitamento dos bens minerais.

2007 – Serviço Anicer na sua Empresa

A partir dos objetivos de trabalhar pelo desenvolvimento da indústria e disseminar inovações tecnológicas em prol da modernização dos processos produtivos, a Associação lançou o Serviço Anicer na sua Empresa, que reúne assessoria, consultoria, auditoria e treinamento para as indústrias cerâmicas.

2007 – Campanha de imunização contra a gripe

Criada a partir de parceria entre a Anicer e o Laboratório Sanofi Pasteur, a Campanha Nacional de Imunização contra Gripe na Indústria de Cerâmica Vermelha tem como objetivo vacinar anualmente os colaboradores que atuam nas fábricas espalhadas por todo o País. Para isso, as vacinas são disponibilizadas para as cerâmicas com valores mais competitivos.

2008 – PSQ Telhas Cerâmicas

Lançado oficialmente em abril, o Programa Setorial da Qualidade de Telhas Cerâmicas tem entre seus objetivos a valorização do produto cerâmico como excelente opção de compra, o revigoramento constante da imagem do setor, a divulgação das empresas que fabricam produtos conforme as normas técnicas e o combate a não conformidade intencional nas revendas com ações específicas e dirigidas.

2009

Início da introdução da cerâmica na construção do Programa Minha casa, Minha vida. O projeto Solução Cerâmica Minha Casa, Minha Vida foi desenvolvido para demonstrar as vantagens da Alvenaria Estrutural com o uso de blocos cerâmicos, sendo este material a melhor opção para a construção de residências atendidas pelo programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal.

Ampliação da sede da Anicer – Com a execução de novos projetos e o aumento das atividades do setor, a Associação Nacional da Indústria Cerâmica – Anicer, viu a necessidade de ampliar o seu quadro funcional e a estrutura física da sede, agregando 84m². Esta expansão é um indicador da capacidade de crescimento da indústria cerâmica, no território nacional, consolidando o mercado.

Sistema de Gestão Anicer (SIGEANI) – O Sistema de Gestão da Anicer – Sigeani, foi criado com o intuito de aprimorar a organização da base de dados, dinamizando a integração das informações financeiras e cadastrais dos associados. As operações online abriram novas portas de interação, e mais além, o sistema trouxe agilidade na execução de relatórios e processos de emissão de boletos.

Lançamento dos DVDs “Coletânea de Normas Técnicas de Telhas Cerâmicas”, “Treinamento Alvenarias estrutural e de vedação racionalizada com blocos cerâmicos” e DVD “Treinamento Coberturas como executar moderno telhado cerâmico” – Distribuídos gratuitamente aos associados, veiculando normas e técnicas para a melhoria das ações do setor cerâmico.

Programa Setorial da Qualidade (PSQ) – Padrão pré-estabelecido na produção nacional da cerâmica. O programa avança com a adesão de novas empresas de norte a sul do Brasil.

Delegações internacionais – Em junho e outubro de 2009, delegações internacionais organizadas pela Anicer estiveram na China e Alemanha. A visita às feiras Ceramics China e Ceramitec (Alemanha) trouxeram a oportunidade aos participantes de conhecer novas tecnologias, diversidade de produtos fabricados, métodos de produção e visitas as fábricas dos países.

2010

Lançamento do projeto “Conheça o Seu Produto pela Avaliação da Conformidade”, parceria entre Anicer e SEBRAE – A Anicer e Sebrae lançaram em parceria o projeto Conheça o Seu Produto Pela Avaliação da Conformidade. A iniciativa buscou informar os empresários do setor, a importância do investimento em qualidade, como meio de aumentar a competitividade e o lucro. Os ensaios laboratoriais foram 70% custeados pela a Anicer e Sebrae e ficou à cargo dos empresários interessados apenas 30% restantes. O Conheça o seu Produto focou na melhorias dos gastos, meios e finalidades da produção cerâmica.

Projeto Solução Cerâmica, parceria com o Senai/DN – Continuidade do Projeto, resultando em novas edições que mostram a utilidade do uso do material cerâmico (blocos e telhas) na construção residencial atendidas pelo Programa do Governo Federal, Minha Casa, Minha Vida.

Evolução dos Programas Setoriais de Qualidade – O Programa Setorial da Qualidade – PSQ é considerado um dos pilares estratégicos na evolução qualitativa do setor cerâmico. O programa avançou em comparativo ao ano de 2009, com mais empresas aderindo às mudanças propostas.

 2011

Institui a Fundacer – Fundação Nacional da Cerâmica, para a promoção sustentável do setor.

2012

Conquista pela desoneração da folha de pagamento do setor de Cerâmica Vermelha.

Finalização do projeto “Conheça o Seu Produto pela Avaliação da Conformidade”, parceria entre Anicer e Sebrae.

2013

Lançamento do projeto “Cerâmica Sustentável é + Vida”. Com o objetivo de promover a sustentabilidade em 600 Micro e Pequenas indústrias de cerâmica vermelha, por meio de um conjunto de ações para implantação da Gestão Empresarial, promoção da Inovação Tecnológica, Eficiência Energética e Licenciamento Ambiental que permita a Incorporação e o Tratamento de Resíduos Sólidos nos processos produtivos, a Anicer, em parceria com o Sebrae, criou o projeto Cerâmica Sustentável é + Vida.

Realização de seminários por todo o país, para esclarecer dúvidas dos empresários e alertar da grande importância da adequação à NR-12 e da aquisição de novos equipamentos, já de acordo com a Norma.

Lançamento da Rede Ibero-Americana de Desenvolvimento Sustentável da Indústria Cerâmica, no 43º Encontro Nacional da Indústria de Cerâmica Vermelha. O projeto de cooperação internacional tem como objetivo transmitir ao setor conhecimentos científicos e tecnológicos através da integração entre universidades, centros de pesquisas e empresas. Inicialmente, a Rede agrega 16 entidades de 9 países com financiamento do CYTED – Programa Ibero-americano de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento, sob a coordenação da Aitemin – Centro Tecnológico da Espanha.

2014

Conquista de melhorias para o setor de cerâmica vermelha no Simples Nacional, com um belíssimo trabalho da Anicer e Sindicers, em parceria com o relator do projeto, deputado Cláudio Puty. As alterações na Lei Geral estão entre os maiores avanços para o setor da micro e pequena empresa desde a promulgação da Lei, em 2006. Com a aprovação, cerca de quase 500 mil micro e pequenas empresas com faturamento até R$ 3,6 milhões por ano foram incluídas no regime de tributação do Supersimples.

2015

 Avanço nos desdobramentos da caracterização dos blocos cerâmicos para adequação à Norma de Desempenho.

Participação ativa nas reuniões e discussões da Subcomissão Permanente de Acompanhamento do Setor de Mineração – Subminera, para contribuição no avanço do novo marco legal da mineração.

 

nota_popup_05062017